Dead Kennedys faz turnê no Brasil em maio celebrando os 40 anos da banda
22/04/2019 23:11 em Let's Rock

 

Favela em chamas e classe média fantasiada de palhaço: pôster lançando a turnê brasileira

 

Banda norte-americana passa por quatro cidades brasileiras no final de maio

 

Os Dead Kennedys se preparam para mais uma vinda ao Brasil no final de maio. Os shows marcam os 40 anos de história da banda. E a turnê feita aqui ganhou um pôster exclusivo para “a celebração dos 40 anos de Dead Kennedys no Brasil”, conforme o cabeçalho, criada pela empresa que divulga os shows no Brasil.

 

A imagem criada por Cristiano Suarez, assim como os temas musicais da banda, é provocativa e critica modelos sociais. No caso, violência e desigualdade social além das medidas presidenciais.

 

 

A banda, contudo, fez questão de emitir um comunicado para afirmar que o pôster não é autorizado e foi "foi divulgado pelo promotor dos shows sem o conhecimento do Dead Kennedys."

 

No pôster divulgado pela EV7 Live, produtora da turnê, nesta segunda, 22, uma família de classe média brasileira - pai, mãe e dois filhos - aparece vestida de camisas da seleção brasileira de futebol e empunhando armas.

 

“Eu amo o cheiro dos pobres mortos pela manhã”, diz a criança mais velha. A frase é uma referência à fala icônima de Robert Duvall em Apocalypse Now. “Está sentindo este cheiro? Está? Napalm, filho [substância inflamável usada pelos EUA a partir da Segunda Guerra Mundial]. Nada mais tem esse cheiro. Eu amo o cheiro de Napalm pela manhã."

 

Além das armas, diversos tanques de guerra com a bandeira do Brasil aparecem pintados, e da sua ponta saem bandeiras com cifrões. Os veículos são dirigidos pelo palhaço Bozo. Ao fundo, uma favela (também com bandeiras hasteadas) pega fogo, e uma bomba explode no horizonte.

 

Os shows acontecem no Rio de Janeiro (23 de maio), São Paulo (25 de maio), Brasília (26 de maio) e Belo Horizonte (28 de maio). Os ingressos estão sendo vendidos pela Ticket Brasil e custam de R$ 100 (meia entrada para pista) até R$ 300 (camarote).

 

COMENTÁRIOS